6 alimentos que dão mais energia para malhar

Que a alimentação influência no melhor desempenho do organismo, você já sabia. Mas, existem alguns alimentos que podem auxiliar no ganho de energia, além de reforçar o vigor físico na hora de desempenhar as atividades diárias. Descubra como ganhar disposição para executar sua rotina com mais saúde.

Você costuma malhar, mas gostaria de ter mais disposição e ânimo para isso? Pode parecer surpreendente, mas não é necessário se entupir de café ou outros estimulantes para se sentir revigorado. Alguns tipos de alimentos possuem nutrientes e vitaminas que ajudam a melhorar a disposição.

Esses alimentos dão energia para malhar e também ajudam em outras atividades, como estudar e trabalhar. Se você está tentando manter a energia, é importante não pular nenhuma refeição e incluir esses alimentos, se possível, em todas as etapas da sua alimentação.

A fome colabora para que você apele para lanches industrializados e que não vão repor realmente a sua energia. Caso tenha fome entre as refeições, o ideal é priorizar pequenos lanches saudáveis para repor a energia lentamente até a hora de outra refeição.

Gostou de saber da existência desses alimentos? Então, venha conferir conosco seis alimentos que vão dar mais energia para malhar. Vamos lá!

1. Açaí

No Brasil se encontram várias frutas e castanhas nativas com poder energético e que são fontes de muitas vitaminas e antioxidantes. O açaí é uma dessas frutas. Ele é nativo da Região Amazônica e é rico em vitaminas C, B1, B2 e também em antioxidantes. Essas suas características ajudam a manter o colesterol e a pressão arterial sob controle.

Esse é um alimento energético que pode ser consumido de várias formas. Ele é vendido in natura e também em forma de creme, que é a mais comum. Priorize o consumo desse alimento na sua forma natural, sem adição de conservantes ou açúcares nocivos ao seu organismo. Não é incomum encontrar o açaí sendo vendido com adição de substâncias artificiais.

Para quem malha, uma ótima pedida é consumir o açaí em forma de barrinhas. No calor, um açaí em forma de creme gelado com frutas ou granola também vale como opção.

2. Ovo

Pra quem não é adepto do veganismo ou não tem algum tipo de restrição, o ovo é uma opção perfeita para dar aquela energia antes de algum exercício. A clara do ovo é rica em albumina, que é uma proteína de fácil digestão e que colabora na formação e desenvolvimento de novos músculos e tecidos.

Além disso, o ovo pode ser digerido de diversas formas, não existe uma ideal. Ele pode ser mexido, cozido, ponche ou omelete. Isso vai depender da sua preferência. Aproveite para testar novas receitas com ele!

3. Banana

A banana é uma fruta incrível para quem quer suprir a energia rapidamente. Ela pode ser consumida antes de um treino sem qualquer tipo de problema. É um alimento que dá energia para malhar, por conter triptofano, que é um aminoácido precursor da serotonina. A serotonina é um neurotransmissor que controla e regula o sono, o humor e também previne distúrbios emocionais.

Além disso, a banana é rica em potássio. Quem tem níveis baixos de potássio costuma ter sintomas como câimbras, dores musculares e fadiga. As vitaminas B2, B6 e os carboidratos também estão presentes nessa fruta.

Caso você não queira consumir a fruta em sua forma original, há diversas opções de receitas e de produtos em que ela está presente. A banana pode ser misturada com iogurte e em cereais como aveia, linhaça e granola. Pode também ser utilizada em smoothies, barrinhas de cereais ou até sorvete. Tudo dependerá de qual forma você gosta mais.

4. Oleaginosas

As frutas oleaginosas são ricas em lipídeos, proteínas e carboidratos. Suas características favorecem quem quer se manter disposto e com a energia elevada. Por terem concentração de gordura vegetal, o ideal é não exagerar no seu consumo. As oleaginosas podem ser nozes, avelãs, amêndoas e também tipos de castanhas.

Caso você queira consumir essas castanhas como suplemento energético e somente para isso, elas podem ser consumidas em sua forma natural sem nenhum problema. Não ultrapasse o consumo de uma palma de mão em forma de concha por dia. Essas oleaginosas também podem ser consumidas em barras energéticas ou como complemento para vitaminas ou smoothies.

Como essas frutas são de fácil consumo e não precisam de qualquer preparação, até mesmo quem não tem tempo pode carregar algumas consigo. Dessa forma, podem ser consumidas como snacks durante o dia ou antes de algum treino. Procure saber o seu consumo preferencial, assim você pode consumir oleaginosas em uma vitamina ou barra de cereais, se assim preferir.

5. Batata-doce

Atualmente, a batata-doce é uma tendência de alimento para quem treina. Um dos fatores que colaborm para que isso aconteça é o seu índice glicêmico (IG). Comparada com a batata-inglesa, ela apresenta índice glicêmico bem menor, e isso é um fator-chave para quem quer consumi-la em qualquer horário do dia.

Quanto menor o índice glicêmico de um alimento, mais lentamente ele é absorvido e, dessa forma, causa menos picos de glicemia. Além disso, a batata-doce é um carboidrato rico em cálcio, potássio, ferro e vitaminas B e A. Todas essas características ajudam a manter a disposição antes e depois de treinar.

Além disso, há diversas formas de preparar batata-doce. Ela pode ser assada, cozida e também transformada em purê, sopa ou picadinho. Se desejar aumentar a propriedade funcional desse alimento, é interessante acrescentar especiarias como curry, alecrim e açafrão na sua preparação.

6. Água de coco

Além de ser abundante no Brasil, também pode ser consumida a qualquer momento. A água de coco é ótima para a hidratação das células e também ajuda no ganho de peso. Os seus carboidratos auxiliam quem quer energia muscular durante o treino. Como adicional, é muito saborosa e pode ser consumida durante os treinos sem qualquer problema.

A água de coco também ajuda no combate à retenção de líquidos, já que deixa o organismo hidratado. Caso não queira consumir a água de coco sozinha, ela pode ser adicionada a sucos naturais e também a diversos tipos de alimentos. Para quem quer algo refrescante, é possível fazer ou comprar sorvete à base de água de coco.

Todos os alimentos que citamos são excelentes opções para quem quer manter a saúde e a energia para malhar. Sendo assim, eles podem ser preparados de diversas formas e de acordo com a necessidade e preferência de cada um. Também é interessante agregar a malhação tratamentos que visam melhorar o tônus muscular como o power shape e a massagem modeladora.  

Vale lembrar que o ideal é buscar a assistência de um nutricionista, o especialista que poderá montar um cardápio de acordo com o seu perfil. Cada rotina necessita de um cuidado especial e, por isso, é fundamental um acompanhamento.

Creatina também é um importante energético para os treinos

5 coisas a fazer antes de um treino para obter mais energia quando você se sente “Blah” sobre o exercício5 Things To Do Before A Workout For More Energy When You Feel “Blah” About Exercising

Você pode ser o entusiasta número um do mundo em fitness e, ainda assim, em alguns dias, encontrar energia para se exercitar ainda pode ser uma grande luta. Você chega em casa do trabalho, o sofá parece atraente demais e, antes que você perceba, toda a motivação que teve no início do dia sai pela janela. Se você sabe que há momentos em que se sente um pouco lento e desmotivado em suas sessões de suor, há muitas coisas que você pode fazer antes de um treino para obter mais energia e entusiasmo.

Claro, você pode arrastar-se para a academia, uma aula de fitness ou até mesmo fazer relutantemente um treino em casa com praticamente nenhuma energia, basta seguir os passos para verificar a lista de afazeres. A TBH, no entanto, provavelmente levará a um bom treino que fará com que você se sinta fraco, cansado e conte os minutos até que termine.

Pessoalmente, quando estou em um funk e carente de energia para a minha malha de suor planejada, acho que tocar algumas batidas animadoras me deixa na zona. No entanto, existem mais algumas coisas super simples que você pode fazer para aumentar sua energia e acabar com o jogo durante o próximo treino. Aqui estão cinco maneiras de aumentar seus níveis de energia, bem a tempo do seu treino.

1. Abasteça adequadamente

Combinar carboidratos complexos com gorduras e proteínas saudáveis para um lanche pré-treino é uma ótima maneira de aumentar sua energia e fornecer ao corpo os nutrientes e o combustível necessários para obter o melhor desempenho.

A quantidade que você come antes do treino depende totalmente de você e onde estão seus níveis de fome. Mas se você não tiver certeza de quanto tempo deve esperar entre comer e se exercitar para permitir tempo suficiente para digestão, uma boa regra é esperar cerca de uma hora para se exercitar após um lanche e aproximadamente duas a três horas após uma refeição . refeição mais saudável, de acordo com o PopSugar.

Alguns exemplos de lanches energizantes pré-treino são iogurte e granola, torradas com manteiga de amendoim ou uma maçã com manteiga de amêndoa. Coloque tudo na minha barriga o mais rápido possível.

2. Hidratar, hidratar, hidratar

Volume 90% 

Se você quer permanecer energizado e concentrado durante toda a duração da sua malha de suor, manter-se adequadamente hidratado é fundamental, meus amigos.

Quando você se exercita, seu corpo geralmente perde muita água com o suor; portanto, se você estiver desidratado desde o início, não há como ter energia suficiente para atingir todos os seus #GymGoals.

Segundo o treinador de celebridades Jay Cardiello, é mais fácil entender o quanto isso é importante se você pensa em seu corpo como uma máquina real . Ele disse a si mesmo ,Basta olhar para os paralelos entre óleo em um carro e água em um corpo – um carro não pode correr sem carro, um corpo não pode correr sem água.

Tente levar consigo uma grande garrafa de água aonde quer que vá, para se lembrar de beber de forma consistente ao longo do dia. Em breve, seus níveis de energia subirão.

3. Vista uma roupa que faça você se sentir confiante

Você sabe como se “veste para o sucesso” quando tem uma importante entrevista de emprego ou evento? Bem, o mesmo vale para se animar antes de um treino, garota.

De acordo com um estudo de 2012 publicado no Journal of Experimental Social Psychology, a roupa que você veste realmente influencia sua atitude e comportamento geral , o que, por sua vez, afeta a maneira como você age. Em outras palavras, se você colocar seu par de leggings favorito e o sutiã esportivo que prende as garotas e as faz parecer incríveis, você se sentirá confiante o suficiente para conquistar todas as partes do seu treino com facilidade.

4. Crie uma lista de reprodução Killer

Honestamente, uma das minhas partes favoritas no planejamento de um treino é fazer uma playlist que eu sei que fará meu humor subir pelo teto. O que é legal é que o aumento instantâneo de energia não está na minha cabeça: a pesquisa mostra que ativar suas músicas favoritas antes de esgotá-las reduz a sensação de fadiga e permite que você supere seus limites e se desafie ainda mais do que sem essas batidas batendo no fundo.

A música afeta da melhor maneira possível seus níveis de treino e energia, amigos, então junte algumas de suas músicas favoritas, coloque esses fones de ouvido e prepare-se para obter alguns #ganhados.

5. Esticar

O alongamento antes do treino faz o sangue bombear e indica ao corpo que você está prestes a se movimentar, acordando os músculos como uma dose natural de café expresso.

Mas, de acordo com Greatist, os aquecimentos dinâmicos de alongamento são muito mais eficazes do que o alongamento estático antes do suor. Isso ocorre porque, diferentemente do alongamento estático, você está constantemente em movimento durante o alongamento dinâmico; portanto, qualquer sinal de fadiga será esmagado quando você começar a mover esse corpo.

Alongamentos dinâmicos , incluindo movimentos como círculos no quadril, chutes na bunda e pulmões ambulantes, aquecem o corpo e preparam os músculos e a mente para a ação.